Goura diz que vai valorizar participação popular e dar transparência total na gestão da prefeitura, em sabatina da OAB-PR

Goura diz que vai valorizar participação popular e dar transparência total na gestão da prefeitura, em sabatina da OAB-PR

Uma gestão que respeita a confiança da população no prefeito precisa dar voz e mecanismos de participação efetiva dos cidadãos para influenciar nas decisões do poder público.

Como candidato à Prefeitura de Curitiba pelo PDT, Goura afirma que em sua administração haverá ações que garantam essa autonomia às pessoas. “Isso tudo só será alcançado se tivermos mecanismos de controle e participação social efetivos”, destacou o pedetista.

“Por isso queremos uma gestão de Curitiba que seja transparente, em que toda a população e as entidades possam conferir os gastos da Prefeitura e cobrar as políticas públicas necessárias. Queremos uma gestão em que os conselhos sejam ativos e deliberativos e possam colaborar na gestão pública.”

Uma Curitiba do século 21

“Enfim, que caminhemos juntos a uma Curitiba do século 21, cosmopolita, que respeita a diversidade”, disse Goura durante sabatina com candidatos a prefeito organizado pela Ordem dos Advogados do Brasil no Paraná (OAB-PR), na noite desta quarta-feira (4).

Além dos cidadãos, Goura explicou que quer um Poder Legislativo formado pelos representantes do povo, para realizar de forma efetiva o seu papel, que é o de fiscalizar os atos do Poder Executivo.

“Queremos uma gestão participativa com toda a sociedade, que tenha a democracia como princípio e que valorize o papel independente da Câmara Municipal para fiscalizar os atos do prefeito”, explicou.

Segundo ele, a Câmara deve cumprir seu papel e fazer uma rigorosa fiscalização dos gastos da Prefeitura de Curitiba. “Que a transparência da gestão seja a norma e o Diário Oficial tenha um local de destaque no site da prefeitura e que não apenas os especialistas possam acompanhar o que está publicado.

Para ele, as informações devem ser traduzidas a todos. “É um direito de toda a população acompanhar os gastos públicos e cobrar da prefeitura as políticas necessárias”, disse Goura.

shares
× Fale com o Goura