“Relação com servidores municipais será com diálogo e respeito”, diz Goura ao Sismuc

“Relação com servidores municipais será com diálogo e respeito”, diz Goura ao Sismuc

Em sabatina dos candidatos a prefeito de Curitiba com a direção do Sismuc (Sindicato dos Servidores Municipais de Curitiba), realizada nesta quarta-feira (4), Goura (PDT) disse que a retomada do diálogo com os servidores públicos municipais, suspensa na atual gestão, será marcada pelo diálogo permanente.

Goura entende que este gesto é necessário diante da política de desmantelamento geral que o atual prefeito vem provocando desde a imposição do “pacotaço”, uma série de medidas que tirou direitos e congelou a possibilidade de crescimento na carreira por parte dos servidores.

“Nosso compromisso prioritário é retomar, a partir de um diálogo sério, as políticas de direitos adquiridos dos servidores. Queremos o contato direto e de forma constante dos servidores com o gabinete do prefeito”, disse Goura. A sabatina foi realizada por meio de plataforma de reuniões on-line.

Revogação responsável

Goura explicou que é preciso agir de forma responsável para atender as reivindicações constantes na carta compromisso do SISMUC aos candidatos a prefeito.

“As obrigações relacionadas ao plano de carreira, data base, licença prêmio e essa constante valorização do serviço público são deveres da prefeitura, e pelos quais o prefeito deve conduzir o seu mandato”, disse Goura.

Confira a carta compromisso do Sismuc clicando na foto abaixo:

Medida prioritária

“Estamos aqui como candidato a prefeito de Curitiba pelo PDT, justamente, para propor uma cidade que restabeleça esse diálogo com os servidores. Que a partir desse diálogo, a gente possa ter um serviço público de qualidade”, disse.

Goura afirmou que isso deve ser construído com a participação dos servidores. “Queremos que eles façam parte da gestão pública e que possam ter condições para realizar um bom trabalho, para ter a perspectiva de um plano de carreira efetivo e que possam manter suas famílias com dignidade”, comentou ao ressaltar que o objetivo é rever decisões do atual gestor.

Saúde pública

Questionado sobre os serviços públicos de saúde, área que o atual prefeito vem causando problemas, com tentativas de privatizações, terceirizações e cortes de verbas, Goura ressaltou que votou contra a privatização da UPA da CIC enquanto vereador.

“Sempre tive essa coerência de que o serviço público deve ser valorizado. Nós defendemos a ideia de que o SUS é uma conquista do povo brasileiro e que deve ser fortalecido”.

Por isso, segundo Goura, os ataques ao SUS devem ser combatidos. “Esse movimento tem recebido por parte da população uma reação contrária. O povo reconhece o SUS como uma conquista. Como seria enfrentar a pandemia sem o sistema público de saúde gratuito e universal”, questionou.

“As Unidades de Saúdes fechadas recentemente pela prefeitura serão reabertas à população. Também vamos reabrir as maternidades que foram fechadas durante a pandemia, sem diálogo algum”, afirmou. Ele disse que tem conversado com os enfermeiros e enfermeiras que relataram desde o início a falta de diálogo.

 

shares
× Fale com o Goura